Vale a pena: “Melissa & Joey”

Por , 11 de janeiro de 2012 @ 9:54      

O canal ABC Family tem se saído muito bem com as séries da atualidade. Depois de "Pretty Little Liars", minha mais nova diversão é "Melissa & Joey", protagonizada pela eterna Sabrina e pelo irmão bobão (porém, caristmático) da saudosa Blossom.

Melissa & Joey

Melissa Joan Hart é Mel Burke. Ela resolve tentar a vida política e acaba sendo eleita vereadora da pequena Toledo, em Ohio. Com a reputação de festeira, do tipo que já saiu com muitos (muitos) caras e acorda bêbada em lugares desconhecidos, Mel decide ajeitar sua vida — e sua reputação — quando resolve seguir os passos políticos do pai, um ex-senador. Quando ela pensa que tudo está finalmente se ajeitando, ela torna-se mãe de dois adolescentes (Lennox e Ryder), assim, da noite para o dia.

O que aconteceu foi que sua irmã acabou presa e seu cunhado está foragido, tudo por conta de escândalos financeiros, já que muita gente foi roubada e perdeu tudo durante o Esquema Ponzi, incluindo Joe Longo (Joey Lawrence). Enquanto cuida dos sobrinhos e tenta causar boa impressão aos eleitores, Mel conhece Joe durante uma coletiva de imprensa e é atacada por ele — tudo bem, Joe está procurando maneiras de externar sua raiva e Mel é, de fato, a pessoa mais próxima daqueles que tiraram todo o seu dinheiro.

Após uma reviravolta de emoções, Joe se candidata à vaga de babá oferecida por Mel e é a partir dessa junção atípica (male nanny? Tecnicamente ele é um freelancer) que a relação dos dois se fortalece. Tentando ficar mais próximo da família que tirou toda sua fortuna, Joe acaba conhecendo mais a fundo a família Burke e se apaixona por ela.

A série é divertida, a química entre Melissa e Joey realmente convence o público. O enredo é simples, porém, muito suave e não peca em excessos. Existe a comicidade, existe os momentos drama queen e, também, contemplamos muitas situações que nos fazem gostar ainda mais dos protagonistas. É um típico seriado que assistiríamos num domingo de manhã, no SBT. Sabe aquelas séries que ficamos na expectativa de juntar os protagonistas em um tórrido caso de amor, pois eles funcionam tão bem juntos? Então...

A primeira temporada foi finalizada com 30 episódios, algo incomum no mundo das séries, que geralmente têm entre 22 e 24 episódios. A crítica já soltou seu veneno antes mesmo do início da primeira temporada, alegando que Melissa e Joey não tinham química, pois já tinham contracenado antes no filme "My Fake Fiance", de 2009. No entanto, a crítica precoce acabou por água abaixo e "Melissa & Joey" já tem a segunda temporada garantida para 2012.

Se você busca risadas, diálogos rápidos e divertidos, "Melissa & Joey" vale a pena. É o programa que você pode assistir entre um episódio de "Homeland" e outro episódio de "Doctor Who" (é o que eu venho fazendo). Não espere muito e com certeza você irá se apaixonar.

No Brasil, é possível assistir às histórias de Mel e Joe pelo Sony Spin (antigo Animax), que exibe o programa todas as terças-feiras, às 21h.

Assunto(s): Vale a pena
Seriado(s) relacionado(s):

 

Receba nossas publicações por e-mail:

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO (VIA FACEBOOK)

COMENTÁRIOS VIA SITE:
  1. isabela disse:

    Numa terça a noite vagando pelos canais… eis que descubro uma serie tao boa e tao pouco conhecida.
    Se as pessoas dessem um pouco mais de atenção, tenho certeza que todo mundo ia adorar…. 

Não tem Facebook? Use o formulário abaixo:
Quer ter sua foto ao lado do comentário? Cadastre-se no Gravatar!

ATENÇÃO:
Toda e qualquer mensagem publicada através do sistema de comentários não reflete a opinião deste site ou de seus autores. As opiniões enviadas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos visitantes que dele fizerem uso.

Sobre Pablo Biglia

Paranaense de coração, idolatra os seriados desde 1995, quando seu guilty pleasure era "Power Rangers". Viciado sempre em "Friends" e "Seinfeld". Hoje é fã fiel de "Orphan Black", "Scorpion", "Scandal", "The Big Bang Theory", "How To Get Away With Murder", "RuPaul's Drag Race" e Project Runway. No Twitter: @mr_biglia. Foi contra o golpe de 2016!