Seriados batem recorde de personagens gays

Por , 05 de outubro de 2012 @ 15:53      
 

Os novos programas "The New Normal", "Girls" e a comédia "Go On" ajudaram a televisão norte-americana a atingir um número recorde de personagens homossexuais, bissexuais e transexuais, afirmou o grupo de direitos dos homossexuais GLAAD nesta sexta-feira, dia 05 de outubro.

Glee

Em seu oitavo relatório anual monitorando a diversidade étnica e de gênero na TV, a Aliança de Gays e Lésbicas Contra a Difamação (GLAAD) disse que há 111 personagens LGBT em papéis regulares, ou recorrentes, em programas nos canais de televisão dos Estados Unidos.

Os programas de TV inclusivos, agora, variam desde séries médicas e criminais como "Grey's Anatomy" até dramas adolescentes como o canadense "Degrassi" e o seriado de época britânico "Downtown Abbey", com seu mordomo gay Thomas Barrow.

O presidente da GLAAD, Herndon Graddick, afirmou que os números crescentes refletem "uma mudança cultural na maneira que os gays e lésbicas são vistos em nossa sociedade. Mais e mais norte-americanos passaram a aceitar seus familiares, amigos, colegas de trabalho e parceiros LGBT, quando o público assiste aos seus programas favoritos, eles esperam ver a mesma diversidade de pessoas que encontram em sua vida diária".

Os 31 personagens LGBT regulares nos seriados, nas cinco principais redes nesta temporada, representam o maior percentual (4,4%) em todos os oito anos de acompanhamento do grupo. Para a temporada 2012/2013, o número aumenta para 35.

Contando os personagens recorrentes, o total sobe para 111 papéis gays, lésbicos, bissexuais ou transexuais em seriados nas cinco principais redes e dezenas de canais a cabo. "Glee", com dois adolescentes gays, um casal lésbico e um novo membro transexual, é mais uma vez o seriado mais inclusivo.

Assunto(s): LGBT
Seriado(s) relacionado(s): , , , , ,

 

Receba nossas publicações por e-mail:

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO (VIA FACEBOOK)

Não tem Facebook? Use o formulário abaixo:
Quer ter sua foto ao lado do comentário? Cadastre-se no Gravatar!

ATENÇÃO:
Toda e qualquer mensagem publicada através do sistema de comentários não reflete a opinião deste site ou de seus autores. As opiniões enviadas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos visitantes que dele fizerem uso.

Sobre Pablo Biglia

Paranaense de coração, idolatra os seriados desde 1995, quando seu guilty pleasure era "Power Rangers". Viciado sempre em "Friends" e "Seinfeld". Hoje é fã fiel de "Orphan Black", "Scorpion", "Scandal", "The Big Bang Theory", "How To Get Away With Murder", "RuPaul's Drag Race" e Project Runway. No Twitter: @mr_biglia. Foi contra o golpe de 2016!