Courteney Cox recrimina o botox, mas afirma que já usou

Por , 10 de outubro de 2008 @ 10:20      
 

Courteney Cox | Marie ClaireCourteney Cox, a eterna Monica Geller de "Friends" é a capa da edição americana de novembro da revista Marie Claire, segundo informações do site US Magazine. Em entrevista concedida à publicação, ela confessa que já usou botox e diz que odiou a experiência.

Mas a capa da revista, em que a atriz da extinta "Dirt" aparece impecavelmente retocada pelo Photoshop, mostra que não há nenhum discurso a favor do envelhecimento natural levado ao pé da letra.

De acordo com o site, Courteney reclama da obrigatoriedade de fazer novas aplicações de botox de tempos em tempos - mas reconhece que o produto deixa o rosto menos abatido. Porém, ressalta que usou a substância apenas uma vez.

"Sou uma atriz e preciso ser capaz de mexer meu rosto", conta, dizendo que é estranho quando as pessoas perdem a capacidade de mexer a sobrancelha após uso exagerado do botox.

A atriz diz, ainda, que o marido, David Arquette - com quem está há nove anos -, não reclama de vê-la com marcas da idade. "Ele adora o processo de envelhecimento, acha que é bonito", revela Courteney, aos 44 anos.

Assunto(s): Celebridades
Seriado(s) relacionado(s): ,

 

Receba nossas publicações por e-mail:

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO (VIA FACEBOOK)

Não tem Facebook? Use o formulário abaixo:
Quer ter sua foto ao lado do comentário? Cadastre-se no Gravatar!

ATENÇÃO:
Toda e qualquer mensagem publicada através do sistema de comentários não reflete a opinião deste site ou de seus autores. As opiniões enviadas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos visitantes que dele fizerem uso.

Sobre Pablo Biglia

Paranaense de coração, idolatra os seriados desde 1995, quando seu guilty pleasure era "Power Rangers". Viciado sempre em "Friends" e "Seinfeld". Hoje é fã fiel de "Orphan Black", "Scorpion", "Scandal", "The Big Bang Theory", "How To Get Away With Murder", "RuPaul's Drag Race" e Project Runway. No Twitter: @mr_biglia. Foi contra o golpe de 2016!