Canal Sony ressuscita “The Starter Wife” na programação

Por , 15 de janeiro de 2017 @ 14:32      
 

Por algum motivo, místico talvez, o Canal Sony resolveu trazer para sua programação a série cancelada "The Starter Wife", mais conhecida como "A Ex".

The Starter Wife

Molly Kagan (Debra Messing, "The Mysteries of Laura") é uma mulher que usa o humor e seu charme para retomar sua vida após se divorciar de um poderoso magnata cinematográfico de Hollywood, Kenny Kagan (Peter Jacobson, "Colony"), que a trocou por uma mulher mais jovem.

E tudo caiu por terra nas vésperas de seu aniversário de dez anos de casamento (também a data de expiração de seu acordo pré-nupcial), quando Kenny, através de uma ligação de telefone, mostra sua determinação em se divorciar, deixando a esposa e sua filha de sete anos para trás.

Cancelada em 2008, com a produção de duas temporadas e 16 episódios, "A Ex" já foi transmitida por vários canais brasileiros, sendo o último deles o extinto Liv. Na TV aberta, a atração fez parte da programação da Rede Record.

O programa ressuscita pelo Canal Sony no dia 23 de janeiro, às 21h. Durante as chamadas, o canal vem anunciando a atração como uma minissérie de seis episódios, logo, somente a primeira temporada deverá ser exibida.

Assunto(s): Programação
Seriado(s) relacionado(s):

 

Receba nossas publicações por e-mail:

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO (VIA FACEBOOK)

Não tem Facebook? Use o formulário abaixo:
Quer ter sua foto ao lado do comentário? Cadastre-se no Gravatar!

ATENÇÃO:
Toda e qualquer mensagem publicada através do sistema de comentários não reflete a opinião deste site ou de seus autores. As opiniões enviadas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos visitantes que dele fizerem uso.

Sobre Pablo Biglia

Paranaense de coração, idolatra os seriados desde 1995, quando seu guilty pleasure era "Power Rangers". Viciado sempre em "Friends" e "Seinfeld". Hoje é fã fiel de "Orphan Black", "Scorpion", "Scandal", "The Big Bang Theory", "How To Get Away With Murder", "RuPaul's Drag Race" e Project Runway. No Twitter: @mr_biglia. Foi contra o golpe de 2016!