“Almost Human” é a nova série da Warner Channel

Por , 06 de novembro de 2013 @ 9:44      
 

E a Warner Channel traz novidades. Criada por J.H. Wyman, o responsável por "Fringe", e produção executiva a cargo de J.J Abrams, "Almost Human" chega com exclusividade no canal pago, ainda em novembro.

Almost Human

Sci-fi policial, a série projeta a cidade de Los Angeles em 2048, um cenário caótico. Mas se a violência é um dos principais problemas, a tecnologia ao menos criou uma alternativa de combate surpreendente: policiais androides. A inovação, no entanto, não é bem recebida por John Kennex (Karl Urban), um agente de carne e osso que de repente se vê como parceiro do robô Dorian, vivido por Michael Ealy ("Common Law").

Apesar da animosidade inicial, juntos eles irão derrubar esquemas e criminosos importantes. E, com o tempo, a relação irá levar a um crescimento mútuo, já que Dorian apresenta uma inteligência emocional acima da média dos seus pares sintéticos. O elenco conta ainda com Minka Kelly ("Charlie's Angels").

O seriado desembarca na Warner no dia 28 de novembro, às 22h25, com somente 11 dias de diferença em relação aos Estados Unidos, cuja estreia está prevista para 17 de novembro.

Assunto(s): Programação
Seriado(s) relacionado(s):

 

Receba nossas publicações por e-mail:

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO (VIA FACEBOOK)

Não tem Facebook? Use o formulário abaixo:
Quer ter sua foto ao lado do comentário? Cadastre-se no Gravatar!

ATENÇÃO:
Toda e qualquer mensagem publicada através do sistema de comentários não reflete a opinião deste site ou de seus autores. As opiniões enviadas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos visitantes que dele fizerem uso.

Sobre Pablo Biglia

Paranaense de coração, idolatra os seriados desde 1995, quando seu guilty pleasure era "Power Rangers". Viciado sempre em "Friends" e "Seinfeld". Hoje é fã fiel de "Orphan Black", "Scorpion", "Scandal", "The Big Bang Theory", "How To Get Away With Murder", "RuPaul's Drag Race" e Project Runway. No Twitter: @mr_biglia. Foi contra o golpe de 2016!